Rich Media: o que é e por que investir nesse tipo de conteúdo?

Existem muitas formas de posicionar um negócio nas mídias sociais. Na verdade, a Internet é um conjunto de oportunidades prontas para você fazer negócios, e a Rich Media é mais uma delas.

Basta saber como melhor utilizar e aplicar as informações que recebemos constantemente do mundo virtual.

Nesse sentido, normalmente, alguns empreendedores ainda buscam a estratégia perfeita, afinal, o que sempre desejamos é inovação e alta performance na rede.

A seguir você aprenderá o que é Rich Media, quais os formatos mais utilizados e por que é um investimento importante para o seu negócio.

Se o objetivo é saber como inovar e posicionar o seu negócio de forma mais atrativa, continue a ler o artigo.

O que é Rich Media?

Rich Media é uma forma de mídia interativa capaz de promover um produto, marca ou serviço enquanto o usuário interage com o produto.

Você provavelmente já viu anúncios de jogos em que os usuários podem jogar/testar o aplicativo que os anúncios oferecem. 

Essa é uma forma de despertar a atenção e o interesse dos consumidores deste produto, a partir de uma experiência mais interativa.

Essa ideia está surgindo à medida que a tecnologia digital avança e apresenta novas possibilidades de fazer negócios e até oferecer conteúdos em ambientes virtuais.

Assim, é um modelo de publicidade digital que utiliza vídeo, diferentes elementos e sons para gerar uma maior interação entre o usuário e o produto.

Assim, ele entende melhor o material ou produto divulgado, seja a pintura de piso epoxi ou um novo software, e fica interessado em adquiri-lo.

A estratégia interativa é uma ótima forma de proporcionar uma experiência de compra diferenciada para os usuários.

Nesse sentido, o Rich Media tem crescido bastante nos ambientes virtuais. Podemos ver este tipo de publicidade aplicada em várias plataformas, como

  • Redes sociais;
  • Sites;
  • Blogs;
  • Anúncios em geral.

O usuário só precisa se conectar à internet e em algum momento será exposto a essa oferta interativa.

Quais são os formatos de Rich Media?

Essa técnica pode ser utilizada em diversos formatos e setores, como empresas de elevador residencial preço.

Isso porque os negócios que adotam essas estratégias têm se esforçado muito para se aproximarem do perfil de cliente ideal, adequando a proposta ao segmento de atuação e interesses dos usuários.

Já em relação aos formatos, explicaremos mais detalhadamente cada um a seguir. Prossiga a leitura para conhecer os mais usados e escolher aquele (ou aqueles) que mais se encaixa  na sua empresa.

  1. Criativos dinâmicos

Permitem que você exiba banners com conteúdo mutável rapidamente. Desta forma, é possível levar mais informações sobre o seu produto ou serviço aos clientes.

Esse formato viabiliza que a base de consumidores compreenda ativamente as características ou objetivos do que é anunciado na página de brindes personalizados baratos, por exemplo.

  1. Banner

Este recurso é usado em ofertas de sites ou aplicativos. Os banners são exibidos nestes canais, como vídeos ou mesmo imagens de tamanhos específicos, e destinam-se a divulgar produtos, marcas ou serviços.

Alguns são tutoriais curtos, outros descrevem usuários interagindo com o produto, mostram depoimentos e muito mais.

Não há falta de possibilidades criativas quando se trata de interações dentro de redes sociais e a principal vantagem é realmente colocar os itens em contextos que humanizam o produto e permitam que o usuário se imagine utilizando.

  1. Expansivo

O Rich Media expansivo é um anúncio que se expande quando uma ação é realizada na web ou mídia social, como clicar ou arrastar o mouse sobre a imagem ou vídeo de valvula de retenção de agua.

Este anúncio geralmente se destina a esticar páginas da web ou aplicativos para revelar novas informações, mas os usuários podem movê-lo se quiserem, sendo mais dinâmico e aliado ao interesse do internauta.

  1. Intersticial

Sabe quando você encontra um artigo interessante e clica nele para ler o conteúdo completo. Contudo, ao carregar, abre um anúncio na frente do texto e você não consegue continuar lendo até clicar para fechar as notificações?

Pois bem, esse tipo de post flutuante é um formato de Rich Media Intersticial, muito utilizado em sites e blogs como alternativa para chamar a atenção do usuário para sua marca e gerar mais clientes em potencial. 

Geralmente são materiais de mais valor e se relacionam ao artigo clicado, ou uma ação específica desenvolvida, como o convite para um webinar.

  1. VPAID

Este é um acrônimo para Video Player-Ad Interface Definition (Definições de Interface para Anúncios de Players de Vídeo).

Pense em quando você está assistindo a um vídeo sobre garrafa de água personalizada com nome e surge um anúncio sobre outro produto ou solução que pode ser interessante. 

É isso que este formato de Rich Media faz: coloca a sua solução diretamente no perfil do cliente, utilizando os conteúdos já em exibição.

  1. MDE

No caso de anúncios multidirecionais expansíveis (MDEs), a expansão do anúncio respeita o lado em que o anúncio apareceu inicialmente na tela do usuário.

Portanto, se o conteúdo estiver no lado esquerdo da página, quando expandido aparecerá no lado direito, e vice-versa.

  1. Push-down

Embora a publicidade mobile esteja dominando o mercado, nunca se pode deixar de explorar todo o potencial desses anúncios para PCs e laptops.

Para esses dispositivos, são direcionados anúncios push-down, desenvolvidos especificamente para navegadores como Chrome ou Firefox.

Nele, o conteúdo da página é empurrado para baixo conforme o anúncio se expande, fazendo com que ele se adapte automaticamente ao layout do site.

Por que usar Rich Media?

A tecnologia está sempre passando por mudanças e atualizações, assim como o marketing e a publicidade.

Por isso há a necessidade de criar novas possibilidades para captar a atenção do público e melhorar a experiência do usuário ao acessar a página da estação de tratamento de efluentes, ou qualquer que seja o seu setor de atuação. Ou seja, é preciso se destacar.

A publicidade multimídia consegue tornar o público mais engajado com o produto, colocando o usuário em um determinado contexto.

Conheça as vantagens de apostar em Rich Media.

Altamente personalizável

Uma das maravilhas do marketing digital é que ele pode atingir as pessoas certas a um custo menor.

Nas mídias interativas esse potencial se multiplica, pois suas estatísticas extremamente detalhadas permitem uma segmentação mais precisa.

Rastreamento em tempo real

Uma coisa é saber quantas pessoas viram seu banner, outra é saber quantos mouses passaram ou clicaram no anúncio da ART para reforma de apartamento para vê-lo ampliado.

Com Rich Media, você tem métricas muito mais realistas que permitem medir seus resultados com muito mais precisão e otimizar as ações feitas.

Não intrusivo

Não há nada pior para a experiência de navegação do que um anúncio que aparece em nossa tela a qualquer momento, quando não esperamos.

Esse problema acaba com a Rich Media, pois o usuário só vê o anúncio quando quiser e da forma que achar melhor, conforme o modelo escolhido e as adaptações disponíveis.

Disponível em vários formatos

Permite explorar vários formatos de mídia paga simultaneamente em uma única campanha.

Afinal, por que ter apenas um banner quando você pode ter vídeo, jogo e questionário ao mesmo tempo?

HTML5 é tudo o que você precisa

Para criar campanhas e anúncios de mídia interativos você só precisa entender um pouco de HTML5.

Para isso, é mais que suficiente baixar o Google Web Designer, um editor visual com comandos muito semelhantes aos dos editores de imagens mais populares do mercado.

Como aplicar Rich Media?

Como você viu até agora, não faltam alternativas para aproveitar todos os recursos incríveis que a Rich Media tem a oferecer.

À primeira vista, uma gama tão ampla de opções pode confundir quem está acostumado aos formatos tradicionais.

Assim, vamos destacar algumas práticas para você começar. Siga estes princípios e tenha a certeza que poderá obter resultados espetaculares.

Seja criativo sem ser intrusivo

A publicidade multimídia é totalmente baseada na experiência do usuário. 

Assim, em vez de pop-ups, há anúncios que carregam discretamente e mostram seu conteúdo apenas quando clicados ou tocados com o cursor do mouse.

Por isso, ao projetar suas campanhas de AVCB bombeiros, por exemplo, priorize sempre a criatividade, respeitando a liberdade do usuário de ver ou não ver os anúncios.

Pense em interatividade e diversão

O conteúdo de mídia interativa é visto não apenas como uma forma de engajar e converter, mas acima de tudo, como uma forma de entreter.

As possibilidades são infinitas e dependerão de uma boa dose de criatividade e habilidade no trabalho.

Por exemplo, imagine um anúncio expansível de um curso de inglês que, quando aberto, exibe um questionário com traduções verdadeiras ou falsas.

Para cada resposta correta, os usuários podem receber um cupom mensal gratuito ou taxa mensal. Ideais desse tipo tem o poder de atrair um grande número de leads.

Invista pesado em vídeos

Como a maioria dos formatos multimídia são baseados em vídeo, ou pelo menos incluem conteúdo de vídeo, seria um erro não capitalizar isso em uma estratégia.

O interessante é que eles oferecem métricas ainda mais avançadas, como tempo médio de exibição e vídeos concluídos, permitindo que campanhas melhores sejam desenvolvidas, personalizando as ações.

Considerações finais

Em suma, a Rich Media está disponível para proporcionar bons números em termos de vendas pela internet.

Ao executar campanhas nesse formato, você pode garantir com o mínimo de esforço boas taxas de engajamento e bons resultados para sua marca, produto ou serviço.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.